terça-feira, 19 de outubro de 2010

Amanhã, tem mais...

Relógio desperta, coloco travesseiro na cabeça e viro para voltar a dormir. Dez minutos se passam e lá vai a soneca do despertador continuar a me encher o saco. Putz! Tenho que levantar. Espreguiço-me, paro um pouco, penso e nisso escuto o som dos pássaros, a claridade entrando pela janela e penso: Mau Humor, ele que vá para o ralo, tenho que agradecer a Deus por me dar um dia lindo destes e a possibilidade de poder fazer um grande dia. Então, vamos embora, levantar, tomar um bom banho, escolher uma roupa, olhar brinco, pulseira, batom... O que custa se cuidar? Faz bem.
Venho pensando da seguinte maneira ultimamente, tem coisas que não mudam, mesmo, e se quisermos algo diferente, nós é que temos que mudar. Então, vamos olhar a forma de encarar a vida desde a hora que despertamos. Agradecer por mais um dia, sorrir mais, aproveitar mais, produzir mais, assim chegaremos ao final do dia com sensação de dever cumprido. Daí é relaxar, recarregar as baterias que amanhã, tem mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário